Notícias

COORDENADOR DE ENDEMIAS ALERTA PARA O PROLIFERAÇÃO DO MOSQUITO AEDES…

depositos abertos

Todo ano a história se repete, com as primeiras chuvas, boa parte da população começa a acumular água em casa, mas, na maioria dos casos, sem nenhum cuidado conforme a foto ao lado mostra.

Depois começa novamente um ciclo de doenças como dengue, chikungunya, zika e até febre amarela.

Para o coordenador  de endemias  do  município  de  São  José do  Seridó, Paulo Gorgonho de Medeiros, mesmo as doenças ainda não aparecendo, é hora de redobrar os cuidados com as águas acumuladas em casa, muros, plantas e terrenos baldios.

‘’Por enquanto estamos aqui em São José do Seridó sem casos de Dengue, Chikungunya e Zika vírus, mas infelizmente vem se encontrando vários focos do aedes aegypti que é o transmissor dessas doenças, e mais de 90% desses focos foram encontrados no bairro Nova Bonita. Vale lembrar que uma boa parte dos moradores do referido bairro vem contribuindo para esse aumento de focos, deixando seus depósitos totalmente sem nenhuma cobertura, principalmente água das chuvas que estão caindo em nossa cidade. Passo em minhas supervisões com os agentes de endemias e fazemos as orientações, mas infelizmente boa parte da população não colabora, nos deixando preocupados, porque se virá epidemia a culpa só cai em cima dos agentes de endemias e principalmente da coordenação, só não sou chamado de Santo, por isso já está  na hora de se tomar medidas bem severas pra quem não faz sua parte’’ escreveu  Paulo Gorgonho na sua página do Facebook.

Então pessoa, vamos colaborar, fazendo nossa parte, e vamos denunciar o vizinho que não toma conta do seu quintal, terrenos baldios que estão com depósitos de água parada, focos do mosquito, enfim, temos que travar uma guerra contra esse mosquito.

Fonte: www.carlosfelipeofera.com

Be the First to comment.

Comentar